12 novembro 2013

Com o joelho e o peso não se brinca

Por PUVMS

 
Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o excesso de gordura no organismo afeta cerca de 250 milhões de pessoas no mundo.  Dados alarmantes da Comissão de Prevenção e Combate a Obesidade da Associação Médica Brasileira indicam que no Brasil, mais de 65 milhões de pessoas estão com excesso de peso e destes, 10 milhões são já classificados como obesos.  Esse excesso de peso, pode gerar sobrecarga para todo o corpo, afetando a coluna vertebral e também os membros inferiores especialmente joelhos e tornozelos.
 
Se os riscos de vir a apresentar problemas articulares nessas regiões existe, eles  podem ser evitados.  Sabe-se que a melhor forma de perder peso é por meio de uma alimentação saudável e exercícios físicos.
 
O alerta vale para aqueles que estão acima do peso e que devem prestar atenção e ter um cuidado especial  na hora de fazer os exercícios justamente para não sobrecarregar demais o joelho e causar algum tipo de lesão. Nesse sentido é muito importante realizar  a rotina de aquecimento antes de iniciar a prática de exercícios físicos.  Durante os treinamentos também é muito importante respeitar os intervalos de recuperação entre uma sessão e outra.
 
Sempre procure orientação profissional!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pergunte à Personal