04 agosto 2012

Cinquentão em boa forma!



Hoje trouxe um caso prático. 
O exemplo de um aluno do sexo masculino, que aqui vou chamar de "Astoufo", 48 anos, 1.73 m, 75,9 quilos, IMC 25,36, 18,10% de gordura corporal, PC 90 cm,  PQ 95 cm , RCQ 0,95.
Essas são algumas medidas e dados antropométricos obtidos em sua primeira avaliação física realizada por mim a cerca de 4 meses atrás.
"Astoufo" me procurou pois não estava se sentindo bem com sua forma física e muito vaidoso que é queria melhorar o visual, principalmente porque está chegando aos 50 anos e não está conseguindo fazer isso sozinho.
Além disso "Astoufo" que é casado e pai de uma linda jovem ,sente que se não mudar certos hábitos poderá ter complicações em relação a sua saúde.
"Astoufo" sempre praticou exercícios e mantém-se fisicamente ativo atualmente. Joga futebol 3 vezes na semana e também corre pequenas distâncias.  No entanto, relaxou na prática de exercícios resistidos, com pesos e de uns tempos pra cá vêm pecando bastante nos hábitos alimentares e na escolha por alimentos  digamos não muito saudáveis. Ele não é fumante, mas  extrapola no consumo de bebida alcoólica.

"Astoufo" está chegando na casa dos cinqüenta e se conscientizou que são necessárias algumas mudanças em sua rotina de exercícios e também em seu comportamento alimentar.
Nessa faixa de idade, para manter o corpo em forma e os indicadores de saúde dentro de faixas adequadas é preciso determinação, forca de vontade e uma bela  ajudinha da professora que lhes escreve! Adoro!

A rotina de exercícios de "Astoufo" foi incrementada com a inclusão de exercícios com pesos, na musculação, a cerca de 4 mêses. O trabalho com pesos é o que dará o tônus, o aspecto rígido e definido de braços, pernas, abdômen etc. e também aumentará a massa magra e ajudará na redução do % de gordura.  Além da musculação em aparelhos e pesos, também foram introduzidos exercícios  funcionais, no qual o peso do próprio corpo funciona como resistência. ” comecei a sentir que, para ficar com o corpo mais bacana, tinha que seguir essas orientações e pegar mais pesado e “puxar ferro”. Sou quase um “cinquentão”, e  para  manter o corpo  em forma, não tem outra saída,  senão malhar”.



Então vamos lá:
Os Limites desejáveis do IMC de acordo com sexo e idade, segundo Bray deveriam estar entre 20 e 24,9. O valor encontrado de 25,36 colocou "Astoufo" na zona de sobrepeso.  
Quando análise foi conjunta das medidas de PC e IMC para determinação de risco cardiovasculares e metabólicos, o resultado foi de risco aumentado.

Em relação ao percentual de gordura encontrado 18,10% , segundo Lohman está acima da média.  15% é o valor ideal.
 
Em relação ao peso total a Massa Corporal desejável é 74,75 kg.
  
A Reavaliação de "Astoufo" será daqui a aproximadamente 2 mêses e espero encontrar novos resultados que satisfaçam a mim e sobretudo a ele!!

Espero que tenham curtido! Bons treinos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pergunte à Personal