28 julho 2012

O acompanhamento profissional é importante?

A orientação profissional, especialmente se você está começando ou recomeçando a prática de exercícios, pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso. Você pode decidir fazer isso por sua conta, mas os riscos de insucesso são maiores. Lembre-se que trata-se do seu bem mais precioso: seu corpo.

Faça um teste.

Responda algumas perguntinhas básicas, criadas por especialistas, que o ajudarão a entender melhor em que nível de condicionamento físico você está e o grau de risco que vai enfrentar ao iniciar a prática de exercícios físicos.

  • Você pratica ou praticou exercícios nos últimos 5 anos?
  • Você tem pressão arterial alta?
  • Você tem colesterol (LDL) alto?
  • Você está grávida?
  • Você tem sintomas de qualquer doença?
  • Você está ingerindo medicação para problemas de pressão arterial e/ou cardiovasculares?
  • Você tem histórico de problemas respiratórios?
  • Você está se recuperando de uma doença séria ou está em tratamento médico?
  • Você usa marca passos ou qualquer outro equipamento eletrônico implantado?
  • Você fuma?
Se você pratica ou praticou exercícios regularmente nos últimos 5 anos e respondeu negativamente às questões acima, parabéns! Seu histórico não apresenta riscos para prática de exercício.
Se alguma das respostas foi positiva, recomenda-se que consulte o seu médico antes de se envolver em um programa de exercícios físicos.
Em ambos os casos, aconselha-se que consulte seu médico e faça um levantamento mais detalhado e o registro do histórico da condição de sua saúde. Os profissionais chamam esse procedimento de anamnese. Esse registro vai ajudá-lo a acompanhar a própria evolução, e será mais um fator de motivação para que prossiga na prática de exercícios. Além disso, a anamnese será útil para orientar a montagem do seu plano de treinamento.

Espero que tenham gostado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pergunte à Personal